terça-feira, 15 de setembro de 2015

NÃO É FÁCIL

Título vago, não é? Afinal, tantas coisas na vida não são fáceis. Mas o que me levou a escrever este texto é a dificuldade que encontramos de não nos deformarmos diante da injustiça e da afronta causada por alguém. Não sei se é impressão minha, mas perece que muita gente "atropela" outras pessoas sem fazer força alguma. A maldade presente nestes se manifesta nos simples exercício da existência. O pensamento e meio assim:
"Existo, logo sou estúpido!"
Quem não conhece alguém que azeda o seu dia só por respirar? É triste dizer isso, porém é realidade para muitos. Pelos mais variados motivos, alguns seres humanos se tornaram amargos ou rudes a ponto de causarem repulsa em outros. Diante deste cenário, nos sujamos com pensamentos e sentimentos que não deveriam fazer parte de quem somos. E é aí que somos deformados. E ué... Se dermos mole, viramos machucados que machucam.
Exemplificando:
As vezes me pego chateado me vendo como vítima da estupidez de alguém. Me sentindo assim, querendo, encontro todos as razões para retribuir das mais variadas formas todo o mal que recebi. Na maioria das vezes, talvez por um histórico longo de complexos, a reação a qualquer ação é imediata. Trata-se de uma parte de mim, dentre muitas, que custa a ser domada. Mas será...
ENCERRANDO...

Não brigar, perdoar, superar o que for, NAO É FÁCIL, mas é o que precisamos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário