segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Pelo que nessa vida vale a pena lutar?

Não por terra, não por templos, não por dinheiro, nem por nada que não tenha valor eterno. É tão difícil de entender isso? Não vale a pena perder tempo lutando para ter de volta aquilo do que Cristo nos libertou.
Neste tempo de "Sacerdotes", templos luxuosos, pastores que pastoreiam a si mesmos, obediência cega a gente que se perdeu de Deus há muito tempo, o Senhor nos tem permitido ver nitidamente quem não precisamos ser e ao que não precisamos dar valor. 
Talvez o cenário de injustiça nesta vida aqui na terra não mude. É bem provável que só piore. Mas a gente ainda quer justiça, né? A impunidade nos deixa perplexos, revoltados, e querendo fazer justiça com as próprias mãos. Quer um conselho? Deixe para Deus a justiça, e peça a Ele misericórdia para com aqueles que nos fazem mal. O nosso inimigo não é de carne e osso. Além do mais, ao se fazer um com a maldade, aquele que comete o mal vive o seu castigo. Qual? Viver longe do Criador. Há maior castigo do que esse?

Minha oração é para que Deus acalme o nosso coração, nos ensine a superar, e que nunca nos permita esquecer que o que nos faz justo não é a nossa justiça, mas sim o sacrifício de Cristo. Para não ouvirmos "Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade", saibamos perceber a que distância estamos daquEle que nos faz cristãos, amém?

Nenhum comentário:

Postar um comentário